Pulse

Quem é Mary Austin, a musa de Freddie Mercury em Love of My Life?

Mary e Freddie viveram um relacionamento durante seis anos

Redação Publicado em 05/07/2019, às 16h41 - Atualizado às 16h42

None
Freddie Mercury (Foto: AP)

Na clássica canção "Love Of My Life", que integra o quarto álbum do Queen, A Night The Opera, de 1975, Freddie Mercury declara o seu amor pela sua musa inspiradora, Mary Austin. 

"Love of my life, you've hurt me/ 
You've broken my heart/ And now you leave me/
Love of my life/ Can't you see?/ 
Bring it back/ Bring it back/ 
Don't take it away from me/
Because you don't know/ 
What it means to me"

"Amor da minha vida / Você me machucou/
Você partiu meu coração/ E agora você me deixou
Amor da minha vida/ Você não vê?/ 
Traga de volta/ Traga de volta/
Não tire isso de mim/ Porque você não sabe/
O que isso significa para mim"

Mas afinal, quem era Mary Austin?

+++ LEIA MAIS: Por que acabou a amizade entre Michael Jackson e Freddie Mercury?

Ela tinha 19 anos quando conheceu Freddie Mercury, na época, com 23, em uma loja de roupas em Londres em 1970. Os integrantes do QueenBrian May, Paul McCartney e Mick Jagger eram clientes da loja e frequentavam bastante o local. 

+++ LEIA MAIS: Mãe de Freddie Mercury conta como ele manteve a sua doença em segredo

Segundo Mary, ela se deu conta que se apaixonou pelo cantor em um dia que o grupo se reunir para escolher o nome da banda. Freddie estava tentando convencer a todos para que fosse Queen, e após algumas discussões, o nome foi definido. Depois disso, Freddie disse à Mary: "A partir de hoje, somos Queen e King, você e eu!". Os dois viveram um relacionamento durante seis anos. 

+++ LEIA MAIS: Diretor de Bohemian Rhapsody e Rocketman escolhe sua próxima cinebiografia

Em 1976, em uma turnê americana, Freddie acabou tendo um caso com o executivo da gravadora Elektra. Ao retornar a Londres, decidiu contar à Mary e revelou sua bissexualidade. Apesar de ter lidado bem com a notícia, ela decidiu não manter mais o relacionamento. 

Freddie teve dificuldade para aceitar o fim e quis mantê-la por perto como sua confidente e conselheira. Inclusive, Mary foi a primeira pessoa a saber que Freddie tinha AIDS e cuidou dele até os seus últimos dia de vida. 

+++ SESSION ROLLING STONE: Cynthia Luz acredita no amor puro com "Não Sou Sem Nós"