Tommy Lee, do Motley Crue, viraliza com carta aberta a Donald Trump - que ele nem escreveu

Verdadeiro autor da carta se pronunciou sobre o momento

Redação Publicado em 07/04/2020, às 11h09

None
Da esquerda para a direita, estão Vince Neil, Nikki Sixx, Tommy Lee e Mick Mars (Foto: Vianney Le Caer/Invision/AP)

Tommy Lee, bateirista do Motley Crue, viralizou após postar uma carta aberta - e bem raivosa - a Donald Trump, presidente dos Estados Unidos. A mensagem postada pelo músico foi escrita por Aldous J Pennyfarthing, que tirou proveito da visibilidade para vender o documento na Amazon.

A carta começa com: "Caro lunático do cara***, na sua recente conferência de imprensa, mais uma salada de palavras que teve um derrame e desceu escadas, você estava CLARAMENTE tão fora de sua profundidade que precisava de equipamento de mergulho. Poucos minutos depois de sair do ar, seus lacaios estavam recuando mais rápido do que os acrobatas do Cirque De Soliel…".

+++LEIA MAIS: Neo-nazistas querem usar coronavírus como arma biológica contra ‘não brancos’

Não para por aí. "Na Índia, há uma semana, eu não conseguia esquecer o fato de você ser o visitante mais popular na história da po*** da Índia - um país de um BILHÃO almas humanas com apenas 3000 anos, mais ou menos !!! Confie em mim - Gandhi puxou MULTIDÕES ... Você puxou um estádio de críquete e deu AS COSTAS", escreveu.

A carta possui várias outras ofensas ao político, como "você sabe o quão louco para cara*** você parece?", "noventa e nove por cento de tudo o que você diz é falso, louco, incoerente, simplesmente cruel ou uma paella rançosa dos quatro", entre outros".

+++LEIA MAIS: Tom Morello não gosta de usar guitarras caras; a favorita custou R$ 151 em um brechó

Aldous J Pennyfarthing, o autor do documento, se pronunciou no Twitter sobre o compartilhamento da carta por Tommy Lee. "Bem-vindos, novos seguidores! Sim, sou o autor original da carta "Caro lunático do cara***". Não Tommy Lee. Simplesmente não estou à altura de Tommy Lee. E aqui está o livro com o mesmo nome. Compre, leia, aproveite", compartilhou Pennyfarthing.

Veja as duas postagem abaixo.


+++ DISCOGRAFIA DO THE STROKES: OS ALTOS E BAIXOS DOS ARRUACEIROS DE NOVA YORK