Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone
Política / Autoritário

Caso seja eleito, Trump planeja enviar até 300 mil homens para a fronteira sul dos EUA

Ex-presidente dos Estados Unidos pretende fechar a fronteira do país com o México, caso volte ao cargo

Donald Trump (Foto: Scott Olson/Getty Images)
Donald Trump (Foto: Scott Olson/Getty Images)

Donald Trump não se deu por vencido, mesmo não tendo sido reeleito e tem falado abertamente sobre concorrer ao cargo de presidente dos Estados Unidos novamente. O empresário falou sobre seus planos para ampliar os poderes no “primeiro dia” de uma nova administração.

Para isso, ele pretende enviar centenas de milhares de homens para a fronteira sul do país — divisa com o México — para fechar a passagem e construir uma nova rede de campos de detenção de imigrantes, segundo informações dadas por pessoas próximas ao político à Rolling Sone EUA

+++LEIA MAIS: Donald Trump rebate críticas de Robert De Niro: 'Talento diminuiu bastante'

Desde o ano passado, Trump vem falando da ideia de mandar tropas federais para a fronteira dos Estados Unidos com o México. “Ouvi algo entre 100 mil e 300 mil do presidente Trump, Stephen Miller e outros sobre o que pode ser necessário para fazer o trabalho direito”, disse uma das pessoas próximas a Trump. “Existem diferenças de opinião sobre quantos você realmente precisa, e cada um tem suas próprias ideias… Nada é definitivo.”

A Lei Posse Comitatus proíbe os presidentes norte-americanos de usarem os militares como força policial interna, como exigem os planos de militarização das fronteiras de Trump. Mas numa segunda administração, Trump poderá conseguir contornar essas restrições invocando a Lei da Insurreição.

+++LEIA MAIS: Taika Waititi revela 'lista de exigências' de Donald Trump para comercial

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!