Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Sertanejos se reúnem e pedem votos a Jair Bolsonaro

Leonardo e Gustavo Lima participaram de reunião com Jair Bolsonaro (PL) nesta segunda (17)

Redação Publicado em 17/10/2022, às 16h54

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Jair Bolsonaro ao lado de Leonardo e Gustavo Lima em entrevista coletiva (Foto: Reprodução/YouTube/Jair Bolsonaro)
Jair Bolsonaro ao lado de Leonardo e Gustavo Lima em entrevista coletiva (Foto: Reprodução/YouTube/Jair Bolsonaro)

Os cantores sertanejos Leonardo e Gusttavo Lima foram ao Palácio da Alvorada, em Brasília, nesta segunda-feira, (17) em apoio ao candidato à reeleição, Jair Bolsonaro (PL). Em entrevista coletiva, os cantores pediram para que seus fãs votem no candidato.

"É melhor um passarinho na mão do que dois voando. Não vamos trocar o certo pelo duvidoso. Total apoio ao nosso presidente, Jair Messias Bolsonaro, no ano de 2022", disse Gustavo Lima

Jair Bolsonaro também participou de uma live com os cantores. Durante a transmissão, Gustavo pediu que a população pense consciente e vote 22, além de dizer que estava se dirigindo a quem tem uma história parecida com a dele, pois o que está em jogo é o futuro de todo um país e das próximas gerações.

+++ LEIA MAIS: Eleições do Brasil são definidas como 'tensas' e 'polarizadas' em noticiário internacional

Depois, houve reunião com o presidente e outros artistas, entre eles Chitãozinho, da dupla com Xororó. Bolsonaro se mostrou satisfeito com a presença dos cantores.

“A vinda do Gusttavo Lima e do Leonardo realmente é uma marca para nós. O que queremos mostrar com isso, cada vez mais, é que tem dois lados bem distintos” (via O Estado de Minas).

Bolsonaro e os Sertanejos

O presidente Jair Bolsonaro tem o apoio de artistas do sertanejo desde o começo do mandato. Em janeiro de 2020, cantores declararam apoio ao seu governo por meio de uma carta. Um grupo de cerca de 30 artistas esteve no Palácio do Planalto para compromisso nomeado na agenda oficial do presidente de “encontro com sertanejos”.