4 teorias bizarras sobre os filmes da Pixar que você nunca havia pensado

Boo, dos Monstros S.A. e o Sr. Cabeça de Batata, de Toy Story, são alguns dos alvos das teorias sobre o estúdio

Redação Publicado em 15/04/2020, às 13h24

None
Os Incríveis e Divertida Mente (Foto: Reprodução)

Os espectadores da Pixar adoram criar teorias sobre as narrativas e possíveis ligações entre personagens de universos completamente diferentes. A Teoria Pixar, que conecta todas as obras do estúdio, é a prova da dedicação dos fãs.

A Superinteressante reuniu as teses e especulações mais famosas sobre os filmes e Monstros S.A., Os Incríveis, Toy Story e Divertida Mente. E nós separamos as 4 teorias mais bizarras do estúdio que você, provavelmente, nunca havia pensado. Confira:

Monstros S.A.: Boo é filha da Violeta, de Os Incríveis

A teoria criada por Seamus Gorman afirma que Violeta, dos Incríveis, cresceu e teve uma filha capaz de se teletransportar, a Boo, dos Monstros S.A.. A hipótese explica por que os pais da menina não se preocuparam com o sumiço dela e deixaram o quarto exatamente como estava quando ela sumiu - seria um hábito de Boo?

Além disso, em duas cenas de Monstros S.A., a personagem aparece repentinamente ao lado de Sulley. Outro detalhe é o easter egg da boneca Jessie, de Toy Story, que aparece no quarto da criança. Violeta é a integrante da família Pêra com mais probabilidade de ter sido presenteada com uma boneca da vaqueira quando era criança - e, no caso, ter guardado e dado para a filha, no futuro.

A teoria também se conecta com a suposição de Boo ser a velha bruxa de Valente, que se teletransporta através de portas mágicas - habilidade que adquiriu após a experiência no universo dos monstros.

+++ LEIA MAIS:  Sequência de Procurando Nemo teve final alterado depois de documentário sobre orcas


Os Incríveis: Edna Moda ajudou a derrotar Síndrome

Quando o Sr. Incrível vai até Edna Moda encomendar um novo uniforme, a estilista alerta o amigo sobre o perigo das capas, responsáveis por inúmeras mortes de heróis do passado. Contudo, uma teoria diz que a personagem não deu a mesma informação para outro cliente, o Síndrome

O vilão do filme teria procurado Edna, a única estilista que continuou criando trajes de super-heróis, e pediu uma vestimenta especial. Após perceber as reais intenções do cliente, a personagem criou uma roupa com uma capa para prejudicá-lo. E é exatamente assim que Síndrome morre, sugado pela capa para a turbina de um avião.

+++ LEIA MAIS:  Novo filme da Pixar explora a vida após a morte - ou seria a vida antes da vida? Assista ao trailer de Soul


Toy Story: Sr. Cabeça de Batata é o vilão

A teoria do canal Super Calin Brothers diz que o Sr. Cabeça de Batata é o verdadeiro vilão de Toy Story. O personagem basicamente causa todos os problemas do filme por causa da inveja de Woody

Quando Woody derruba Buzz Lightyear da janela por acidente, o Sr. Cabeça de Batata sugere a expulsão do cowboy do quarto. Ele também solta o fio de luzes de natal que levaria Woody de volta para casa de Andy.

O Sr. Cabeça de Batata ainda é o responsável por ordenar a expulsão de Woody do caminhão de mudanças, além ser o único brinquedo que não expressou felicidade com a volta dos bonecos de Andy.

+++ LEIA MAIS: Toy Story 4 ensina os adultos mais uma vez: amizades também esfriam - e tudo bem [ANÁLISE]


Divertida Mente: Bing Bong era um monstro 

Considerando que todas as crianças do universo Pixar possuem um monstro, Jon Negroni, inventor da Teoria Pixar, afirmou que Bing Bong era um monstro que visitava Riley pela porta do armário dela. 

Porém Bing Bong foi contratado pela empresa de monstros após os funcionários adotarem a estratégia de fazer as crianças rirem. Ou seja, o elefante alegrava a garota. Por isso, Riley guardou a memória do ser mágico na mente.

+++ LEIA MAIS: 7 fatos realmente divertidos sobre os filmes da Pixar: Dublagem, adaptações e easter eggs


+++ SESSION RS: SCALENE TOCA ASSOMBRA