Pulse

Abuso de álcool e drogas de Johnny Depp deve prejudicá-lo em batalha judicial

O ator é acusado de violência doméstica pela ex-esposa Amber Heard

Redação Publicado em 15/11/2019, às 16h15

None
Johnny Depp (Foto: mpi04/MediaPunch/IPx)

Johnny Depp está enfrentando problemas com bebidas. Segundo o Radar Online, fontes próximas ao portal revelaram que o ator tem consumido quantidades absurdas de álcool e drogas e pode agravar a situação dele na batalha judicial contra a ex-esposa Amber Heard.

Agora, o tribunal também concedeu ao pedido de Amber e pede que Deppentregue todos os registros médicos, incluindo arquivos de saúde mental para analisar a situação do ator com o consumo excessivo de álcool.

+++LEIA MAIS: Johnny Depp acusa Amber Heard de "pintar" seus hematomas

"Johnny ainda estava pedindo vodka em seu quarto na garrafa às três da manhã da noite anterior a um evento recente no tapete vermelho. Ele bebeu a bebida durante o evento em uma xícara de café. E, o pessoal da segurança dele teve que tentar mantê-lo em pé", contou uma fonte ao portal. 

Ainda, o ator anunciou que não gostava do quarto de hotel dele e depois disse: "'Está tudo bem, porque eu vou jogar no lixo de qualquer maneira'", afirmou outra fonte. Essa situação não é incomum para ele. De acordo com Amber,Johnny Depp foi acusado de destruir um quarto de hotel durante três dias na Austrália.

+++ LEIA MAIS: Johnny Depp ameaçou Amber Heard de morte, relata a atriz

Anteriormente, o documento enviado por ela ao tribunal reafirma as questões dele com álcool e drogas: "O relacionamento de Johnny com a realidade oscila, dependendo da sua interação com álcool e drogas. Enquanto a paranoia, desilusão e agressões de Johnny aumentavam durante nosso relacionamento, crescia também a minha consciência sobre seu contínuo abuso de substâncias."

A atriz alega 13 atos de violência contra ela e conta que ele passou três dias dopados de comprimidos de ecstasy: "Ao anoitecer, Johnny me bateu várias vezes, empurrou e me empurrou para o chão, me sufocou e cuspiu na minha cara", afirmou.

+++ LEIA MAIS: Johnny Depp teria pedido para Amber Heard ser demitida de Aquaman, diz site

"Ele jogou garrafas através dos painéis das janelas de uma porta de vidro, quebrando dois painéis e deixando o vidro por toda parte. Johnny então me agarrou, segurando meu corpo e camisola. Ele rasgou a camisola e, em algum momento, eu estava nua e descalça, coberta de álcool e vidro", relatou.

Johnny Depp negou veementemente as alegações de Amber Heard e afirma que ele é a vítima agredida.