Bolsonaro ataca imprensa e humilha filho Eduardo em entrevista: 'Você teve um voto'

No quadro 'O Brasil Precisa Saber', deputado e presidente passaram mais de 40 minutos falando sobre variados temas

Redação Publicado em 22/12/2020, às 16h55

None
Jair Bolsonaro e Eduardo Bolsonaro em entrevista (foto: reprodução/ YouTube - Eduardo Bolsonaro)

Jair Bolsonaro cedeu uma entrevista para Eduardo Bolsonarono canal do YouTube oficial do deputado federal. No quadro intitulado 'O Brasil Precisa Saber', o presidente atacou consecutivamente a imprensa e humilhou o filho ao comentar sobre a reeleição dele em 2018 (via VejaSP).

“Me chama de corrupto, vamos lá”, disse Bolsonaro, quando perguntado sobre as notícias da imprensa apontando interferência do presidente e da Abin nas investigações no outro filho, Flávio Bolsonaro. “Me chama de corrupto, p***a. Não tem mais grana mole para vocês. Acabou a treta. O fim de vocês está próximo”.

+++LEIA MAIS: Fábio Porchat chama Bolsonaro de ‘mente diabólica do mal’ e diz que governo incentivou atentado ao Porta dos Fundos

“Imprensa canalha, não vale nada”, insistiu. “Não leiam jornais. É tudo um lixo. Vão para a internet. […] Ai do ministro se eu souber que [no local de trabalho dos ministros] tem jornais.”

Após as acusações de oposição política da mídia, pai e filho abordaram diversos assuntos polêmicos, desde a facada desferida contra Jair Bolsonaroem Juiz de Fora em 2018 até falar contra o voto eletrônico, contra o aborto e, por fim, sobre o desempenho de Eduardo na reeleição para deputado federal.

+++ LEIA MAIS: Gene Simmons, do Kiss, se irrita com Bolsonaro: 'disse que vacina pode transformar pessoas em jacaré'

Bolsonaro perguntou: "Vamos ver se você está ficando inteligente. Você teve quantos votos nas últimas eleições?" Eduardo respondeu: "Eu fui eleito [deputado federal por São Paulo] com 1.843.735 votos em 2018".

O presidente retruca, entre risadas: "Não aprendeu nada. Você teve um voto [do próprio Eduardo Bolsonaro]. O resto foi meu. " O filho pergunta: "Você não acha que foi o meu trabalho?" Jair Bolsonaro não respondeu o comentário e a conversa seguiu para considerações finais.

+++ LEIA MAIS: Bolsonaro responde ‘sai daqui’ para apoiadora que questiona 38 mil mortes por coronavírus

 Assista à entrevista na íntegra abaixo:

+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes


+++ CYNTHIA LUZ: 'A GENTE PRECISA OUVIR A VOZ DAS PESSOAS' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL