Edição caótica de 1999 do Woodstock é tema de nova série documental da Netflix

A produção revelará "imagens de arquivo nunca vistas antes", segundo site

Redação Publicado em 01/09/2020, às 18h41

None
Incêndio no Woodstock '99 (Foto: AP Photo/Peter R. Barber)

O caótico Woodstock '99, retratado do podcast produzido pela The Ringer, virará tema de nova série documental da Netflix (ainda sem título). 

Segundo o Deadline, via Consequence of Sound, fontes descreveram como a produção contará “a verdadeira história por trás de como ‘três dias de paz, amor e música’ foram destruídos pelas chamas.”

 +++ LEIA MAIS: Como estupros, morte e incêndio no Woodstock '99 demonizaram toda uma geração

O Woodstock ‘99, que reimaginava a edição icônica de 1969, aconteceu de 22 a 25 de julho de 1999. O festival incluiu bandas como  Metallica, Muse, Rage Against the Machine,Red Hot Chilli Peppers e Korn, no entanto, diversos crimes e vandalismos aconteceram no evento que foi transmitido ao vivo pela MTV.

A série dedicará segmentos para recordar momentos sombrios das bandas na edição. O show do Red Hot Chilli Peppers, por exemplo, terminou com um incêndio. Durante a apresentação do Limp Bizkit, o público de quase 400 mil pessoas começou a vandalizar o espaço.

A produção, segundo o Deadline, revelará "imagens de arquivo nunca vistas antes". Ainda não há previsão de lançamento divulgada.


+++ DESAFIO! FREJAT ESCOLHE OS MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO