Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Elton John abandona Twitter após mudanças de Elon Musk na rede social: "Desinformação irá dividir nosso mundo"

Elton John alertou que uma 'mudança recente na política' da rede social permitiria que a desinformação florescesse

Redação Publicado em 09/12/2022, às 16h00

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Elton John (Foto: Erika Goldring / Getty Images)
Elton John (Foto: Erika Goldring / Getty Images)

Elton John se tornou a mais recente figura de destaque a anunciar que está deixando o Twitter. O ícone da música, que está atualmente em sua última turnê global Farewell Yellow Brick Road, disse que uma “recente mudança na política” do site permitiria o crescimento de desinformações, levando-o a desistir.

Toda a minha vida tentei usar a música para aproximar as pessoas. No entanto, me entristece ver como a desinformação está sendo usada para dividir nosso mundo.

+++ LEIA MAIS: Elon Musk revela conversa com Kanye West após tuíte antissemita

É possível que a “mudança de política” mencionada por John se refira à recente confirmação do Twitter de que não aplicará mais sua política de desinformação de longa data sobre o coronavírus. Entre janeiro de 2020 e setembro de 2022, o site suspendeu mais de 11.000 contas por quebrar as regras de desinformação da COVID-19, além de remover conteúdo por motivos semelhantes.

Confirmando a reversão em uma nota publicada no site na semana passada, o Twitter disse: “A partir de 23 de novembro de 2022, o Twitter não está mais aplicando a política de informações enganosas sobre o COVID-19”.

+++ LEIA MAIS: Com crise no Twitter, rede chamada Koo ganha destaque e vira meme no Brasil

Essa mudança ocorreu depois que Elon Musk enfrentou polêmica por demitir uma grande onda de funcionários do Twitter, incluindo moderadores de conteúdo terceirizados encarregados de rastrear abusos no site.

Musk também provocou reação após reativar o perfil do ex-presidente norte-americano Donald Trump e também de Kanye West, que teve a conta bloqueada após compartilhar mensagens e imagens antissemitas. O posicionamento do CEO da Tesla chateou diversas personalidades, incluindo Jack White, que deletou sua conta na rede social.