Os 5 personagens mais detestáveis de The Office, segundo site: de Todd a Jan

Esses personagens tornaram a vida de todo o escritório em diversas situações desagradáveis

Redação Publicado em 23/05/2020, às 14h00

None
Todd e Jan, de The Office (Foto: Reprodução/NBC)

Kevin, Oscar, Holly, Michael, Pam e Jim são alguns entre muitos personagens amáveis e queridos de The Office. No entanto, a série, como muitos outros seriados, trouxe diversos personagens terríveis, sem noção, egoístas, entre outros defeitos que protagonizaram momentos traumáticos para (quase) todos os empregados da Dunder Mifflin.

Como esquecer de todo elitismo e sexismo detestáveis de Todd Packer? Ou todo dano que Jan trouxe para Michael? Não para com eles, a série teve diversas outras pessoas tóxicas, em todos os sentidos. Veja abaixo os 5 personagens mais odiados de The Office, segundo o Screen Rant.

+++LEIA MAIS: Cientistas da NASA encontram evidências de universo paralelo em que o tempo corre para trás

Todd Packer

Em todas as aparições de Todd Packer ne série, todos os personagens mostravam desprezo pelo homem, com exceção de Michael, que se cansou de Packer no final das contas.

Como lembrado pelo Screen Rant, Todd era extremamente sexista, elitista e se aproveitava ao máximo de qualquer um no caminho.

Mesmo com uma carga profissional grande, mais de 20 anos de Dunder Mifflin, Todd era um péssimo colega de trabalho - e ser humano.


Deangelo Vickers

Deangelo Vickers assumiu o cargo de gerente regional depois que Michael deixou Dunder Mifflin. Ele tava bem nesse começo. Como apontado pelo Screen Rant, ele era parecido, na mentalidade, com Michael, mas tinha mais mentalidade de negócios.

No entanto, quando Michael saiu, Deangelo ficou completamente maluco. O trabalho de gerente dele já não era tão bom quanto antes.

Além disso, ele acabou por se machucar seriamente no trabalho e não conseguiu mais voltar - mas isso provavelmente foi o melhor que poderia ter acontecido.


Cathy Simms

Cathy Simms, substituta de Pam quando ela estava de licença-maternidade, não teve muitas falas. Mas mesmo assim conseguiu ser uma das piores personagens de The Office. Cathy sempre se mostrou interessada, romanticamente, em Jim, marido de Pam.

Jim nunca se interessou por Cathy, mas Pam sempre foi cética em relação a isso. As preocupações de Pam foram validadas quando a tripulação foi para a Flórida por três semanas e Cathy tentou engatar um romance com Jim.

Depois desse episódio, Cathy perdeu toda a credibilidade e respeito.


Gabe Lewis

Em The Office, quando a Dunder Mifflin foi comprada pela Sabre, fomos apresentados a Gabe Lewis, o braço direito de Jo, que dividia o tempo dele entre Scranton e Tallahassee. Segundo o Screen Rant, por mais engraçado e peculiar que Gabe fosse para os fãs, não havia muitas pessoas no escritório que gostassem dele de fato.

Aconteceu só desgraça com o Gabe, algumas vezes por causa dele mesmo: Erin terminou com ele, Kelly enlouqueceu quando ela teve que abraçá-lo, Andy o desprezava por namorar Erin, e ele perseguia qualquer um que o ameaçasse.

Por mais que os movimentos ao melhor estilo Lady Gaga fossem lendários, ele não era muito querido.


Jan Levinson

Jan Levinson é aquele personagem que amamos odiar. No início da série, como lembrado pelo Screen Rant, ela era ótima em seu trabalho. Ela era chefe de Scranton, de outros ramos da empresa e sempre foi muito profissional. Após o divórcio, no entanto, Jan foi morro abaixo.

Ela começou a beber e fumar mais e a ficar com Michael. E piorou: depois que ela perdeu o emprego, Jan se tornou muito dependente de Michael e a espiral descendente começou.

Jan era rude, vingativa e verbalmente abusiva com Michael, e causou diversos traumas do "Melhor Chefe do Mundo", como dizia a caneca dele.

Era divertido de assistir Jan na tela, mas ela era uma pessoa horrível.


+++ VITOR KLEY | A TAL CANÇÃO PRA LUA | SESSION ROLLING STONE