Billie Joe Armstrong se surpreendeu ao ser atacado por colaboração com Morrissey

"Eu realmente não fazia ideia", disse o líder do Green Day

Redação Publicado em 13/02/2020, às 16h16

None
Billie Joe Armstong e Morrissey (Foto 1: Stephan Solon/Divulgação | Foto 2: AP / Marco Ugarte)

Billie Joe Armstrong participou da música de Morrissey, “Wedding Bell Blues”, do disco California Son, lançado em 2019 e foi muito criticado pela parceria. No entanto, o frontman do Green Day respondeu às críticas e revelou que ficou surpreso pelos ataques.

Os fãs do Green Day do Reino Unido não gostaram muito da colaboração, principalmente porque Billie Joe comentou que foi uma honra trabalhar ao lado de Morrisey - a indignação do público aconteceu porque o último mostrou apoio ao anti-Islã de extrema-direita, além de ser acusado de racismo em diversas ocasiões.

+++LEIA MAIS: Fãs do Green Day reagem mal à colaboração de Billie Joe Armstrong com Morrissey

Ao considerar a política progressista e mais à esquerda do músico norte-americano, certamente pareceu uma jogada surpreendente do líder do Green Day - mas, segundo revelou ao The Guardian, aparentemente não sabia das opiniões do ex-Smiths.

"Não sabia até a música sair. Nós fizemos a música, e ele foi muito adorável, e então a música saiu e muitos britânicos disseram: 'O que diabos você está fazendo?'. Eu realmente não fazia ideia ...", contou o vocalista. 

+++LEIA MAIS: Morrissey e Billie Joe Armstrong lançam regravação de música de sucesso dos anos 1960; ouça

Na época do lançamento do California Son, em abril de 2019, Ariel Engle, que estava em uma posição semelhante à de Billie Joe, participou do disco e falou sobre política questionável de Morrissey: "É um argumento muito fraco alegar ignorância", disse ela também ao The Guardian.


+++ A MALDIÇÃO DO CORINGA, COM JOAQUIN PHOENIX, HEATH LEDGER, JACK NICHOLSON E MAIS: