Documentário de Michael Jackson recebe centenas de críticas por ser ‘tendencioso’ e defender cantor

The Real Michael Jackson foi exibido pela BBC em 30 de março de 2020

Redação Publicado em 24/04/2020, às 17h26

None
Michael Jackson, em apresentação em Los Angeles, em janeiro de 1989 (Foto: Greg Allen / Retna Ltd./MediaPunch /IPX)

Em 30 de março, a BBC exibiu um novo documentário, o The Real Michael Jackson, de Jacques Peretti, e é o primeiro desde Leaving Neverland

Em The Real Michael Jackson, o jornalista investigativo argumenta que o músico usou a imagem "para encobrir a verdade sombria". No entanto, o biógrafo de celebridades e amigo do Rei do Pop, J. Rany Taraborrelli, entrevistado no documentário, está convencido de que o astro era inocente.

+++ LEIA MAIS: Elton John lembra de Michael Jackson como "uma pessoa perturbadora" em autobiografia

Com a transmissão, o documentário recebeu 168 de críticas pelas pessoas o acharem achararem "tendencioso" e por defender o cantor, de acordo com o site da BBC (viaObservatório do Cinema).   

Ainda, o site afirma que apenas responde a reclamações de uma "grande preocupação do público que gerou um número significativo de reclamações ou levantou problemas significativos".

+++ LEIA MAIS: O dia que Michael Jackson foi enquadrado pela polícia por usar máscara de ski no supermercado

Também após a exibição da produção, o público expôs as opiniões sobre o novo documentário no Twitter. Os fãs do Rei do Pop estão bastante divididos sobre o que acreditar depois de The Real Michael Jackson e Leaving Neverland.  


+++ RUBEL | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL