Harvey Weinstein achava que Jennifer Aniston 'devia ser assassinada'; entenda

Desde 2017, o produtor tem sido acusado de estupro e abuso sexual por várias mulheres de Hollywood

Redação Publicado em 20/03/2020, às 11h55

None
Harvey Weinstein (Chris Pizzello/Invision/AP) e Jennifer Aniston (Foto: Chris Pizzello/Invision/AP) e

Nos últimos três anos, a imagem de Harvey Weinstein tem sido diretamente relacionada a acusações de estupro e agressão sexual por inúmeras mulheres. No início de março, por exemplo, o produtor de Hollywood foi condenado a 23 anos de prisão, após ser considerado culpado, por estupro em terceiro grau e abuso sexual em primeiro grau.

Segundo informações divulgadas pelo Cheat Sheet, recentemente, a fama de Weinstein ficou ainda pior após descobrirem que ele queria que a estrela de Friends, Jennifer Aniston, "fosse assassinada". 

+++LEIA MAIS: Acusado de abusar de 80 mulheres, Harvey Weinstein se acha feminista por ter inserido mulheres no cinema

De acordo com o site, após o julgamento do produtor, o público teve acesso a documentos judiciais não selados. Em 2017, o National Enquirer planejava publicar um artigo que alegava que Weinstein agrediu sexualmente  Aniston durante as filmagens de Derailed, de 2005. 

Além disso, o artigo relatava que Weinstein constantemente para o decote de Aniston e isso a deixava desconfortável. Uma fonte próxima ao produtor revelou que ele costumava dizer aos amigos o quão "gostosa" a atriz é. 

Depois de receber um e-mail do assessor de imprensa sobre o artigo, Weinstein respondeu que gostaria Jennifer Aniston "fosse morta". De qualquer forma, o National Enquirer não publicou o artigo.

+++LEIA MAIS: Advogada de Harvey Weinstein conta que nunca sofreu abuso sexual pois 'nunca me colocaria nessa situação'

Embora essas alegações contra Weinstein se alinhem com o comportamento que ele teve com outras atrizes com quem trabalhou, o porta-voz deAniston desmentiu as alegações que seriam feitas pelo National Enquirer

"Jennifer nunca foi assediada ou agredida por Harvey Weinstein", revelou. "Ele nunca chegou perto o suficiente para tocá-la e ela nunca esteve sozinha com ele."


+++ GUNS N' ROSES: 11 FATOS QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE A BANDA