Michael B. Jordan fala sobre amizade com Chadwick Boseman: 'Gostaria de ter mais tempo'

O ator confessou que a morte do amigo foi o que mais fez ele chorar em 2020

Julia Harumi Morita | @the_harumi Publicado em 26/02/2021, às 11h38

None
Michael B. Jordan (Foto: Pascal Le Segretain/Getty Images)

Michael B. Jordan falou publicamente sobre a amizade com Chadwick Boseman e afirmou que "gostaria de ter mais tempo" com o ator, que morreu aos 43 anos em agosto de 2020. (Via Omelete)

“Nosso relacionamento era muito pessoal e teve vários grandes momentos - alguns que eu não aproveitei o suficiente e não tinha entendido até agora. Gostaria de ter mais tempo para nosso relacionamento evoluir, crescer, e se tornar mais próximo e forte," disse Jordan em entrevista à Vanity Fair

+++ LEIA MAIS: Relembre 7 papéis icônicos de Michael B. Jordan: de Pantera Negra a Luta Por Justiça [LISTA]

O ator também disse que o amigo "ficou aqui pelo tempo que deveria" e falou sobre como o trabalho do astro de Pantera Negra (2018) vai inspirar novas gerações de crianças.

+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes

"Ele ficou aqui pelo tempo que deveria, teve o impacto e o legado dele. Isso ficou claro com a quantidade de amor que ele recebeu das pessoas ao redor do mundo. Há gerações inteiras de crianças que virão e olharão para ele. Isso é incrível. Perdê-lo foi… Machuca, machuca muito. Isso foi o que mais me fez chorar em 2020.”

Por fim, Jordan expressou admiração pela força de Boseman, que manteve a doença em segredo até os momentos finais, e mencionou o papel fundamental da família dele neste processo. 

“Ele é uma pessoa incrível. A família e a esposa dele são muito fortes. As pessoas que ele tinha ao seu redor são realmente especiais. Manter algo assim em segredo por tanto tempo - é quase impossível fazer algo assim. Isso ressoa com o tipo de pessoa que ele era, de continuar trabalhando duro até os seus últimos momentos. É realmente incrível.”

+++LEIA MAIS: Chadwick Boseman aprendeu a tocar trompete para A Voz Suprema do Blues


+++ KANT: 'AQUELES QUE NOS DÃO MAIS ATENÇÃO SÃO OS QUE MAIS CRITICAM' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL