Por que Reginald, de Umbrella Academy, só adotou 7 dos 43 bebês nascidos de repente?

A Netflix confirmou uma segunda temporada para a série da família de super-heróis

Redação Publicado em 04/05/2020, às 16h40

None
The Umbrella Academy (Foto: Reprodução)

The Umbrella Academy teve uma primeira temporada muito bem recebida pelo público e crítica, então não foi surpresa quando a Netflix confirmou uma segunda temporada para a série da família de super-heróis. Com o anúncio de uma nova parte, logo surgem dúvidas e curiosidades que precisam ser respondidas.

Uma delas é: por que Reginald só adotou 7 dos 43 bebês nascidos de repente? De acordo com o site ScreenRant, um detalhe apresentado no começo da série pode ser a resposta para esse mistério.

+++ LEIA MAIS: 6 perguntas que The Umbrella Academy precisa responder na segunda temporada pela Netflix [LISTA]

Vale lembrar como os irmãos Hargreeves são fruto de um evento bizarro: no mesmo minuto, 43 mulheres (que não estavam grávidas) entraram em trabalho de parto e tiveram um filho cada. O bilionário Reginald Hargreeves só conseguiu adotar 7 dessas crianças - e não fica evidente o que acontece com os outros 36 bebês. 

O site apresenta a teoria que o monóculo usado pelo patriarca da família é a peça chave para identificar quais bebês têm super poderes. Dessa forma, o objeto garante a Reginald a capacidade de identificar quais dos pequenos são 'especiais'.

+++LEIA MAIS: Qual o significado oculto por trás do nome The Umbrella Academy?

Isso é canônico nas HQs, que realmente indicam a influência do monóculo. No entanto, a série ainda não indicou o motivo das adoções de Reginald.

O enredo da 2º temporada de The Umbrella Academy ainda não foi divulgado. As filmagens foram iniciadas em junho de 2019 no Canadá. Apesar da Netflix anunciar que a série está chegando, ainda não há data oficial para a estreia da nova parte.


+++ MINHA PLAYLIST.... FRANCISCO, EL HOMBRE | ROLLING STONE BRASIL