Pulse

Todo mundo quer ver Homem-Aranha e Venom juntos de novo; mas por que isso é tão difícil de acontecer?

A burocracia dos direitos autorais dos personagens da Marvel não facilita a realização de um novo combate entre o aracnídeo e seu maior inimigo

Redação Publicado em 01/07/2019, às 10h24

None
Tom Holland como Homem-Aranha e Tom Hardy como Venom (Fotos:Reprodução)

Jon Watts, diretor de Homem-Aranha: Longe de Casa, deixou claro que compartilha o mesmo interesse dos fãs do herói: ver o aracnídeo em um filme junto com a mais recente versão do Venom, interpretada por Tom Hardy.

Em entrevista ao site ComicBook Movie, o cineasta elogiou o trabalho do ator no longa dirigido por Ruben Fleischer, e afirmou que um projeto unindo o anti-herói com o Peter Parker de Tom Holland seria uma jogada certeira.

+++Keanu Reeves foi cotado para quase todos os filmes da Marvel

"Se você colocar esses dois Toms juntos, com certeza vai ver algo muito especial", disse.

Infelizmente, isso não é algo que vai acontecer com facilidade, se é que vai realmente acontecer algum dia enquanto esses atores ainda forem responsáveis pelos personagens. 

O que torna o crossover tão difícil é a pequena bagunça que cerca os direitos de cada um desses heróis da Marvel. Apesar da papelada de ambos fazer parte do universo da Sony, a produtora "entregou" o Homem-Aranha para a Marvel Studios que, por sua vez, é propriedade da Disney

Isso permitiu que o escalador de paredes amigo da vizinhança aparecesse no Universo Cinematográfico Marvel, e na franquia dos Vindagores no final da saga (antes tarde do que nunca), mas ao mesmo tempo tornou quase impossível um filme com Tom Holland vs Tom Hardy em um conflito épico entre o aracnídeo e seu inimigo mais famoso.