A vez em que David Bowie decidiu guardar a própria urina na geladeira para impedir que bruxas a roubassem

Artista viveu período sombrio e paranoico na década de 1970

Redação Publicado em 25/08/2020, às 13h15

None
David Bowie em O Homem que Caiu na Terra, de 1976 (Foto: Reprodução)

Na década de 1970, David Bowie viveu um período de decadência. A dieta do artista consistia em cocaína, leite e pimentas, e o Camaleão do Rock desenvolveu paranoia e outros distúrbios decorrentes dos hábitos destrutivos - e chegou ao ponto de guardar a própria urina na geladeira por medo de roubo, como lembra o site Far Out Magazine.  

Bowie estava convencido que bruxas roubariam o líquido e começou a armazenar a urina na geladeira de casa. Segundo a publicação, tudo começou após uma visita a Jimmy Page, do Led Zeppelin. Na cabeça de Bowie, o guitarrista estaria envolvido com o ocultista Aleister Crowley e tinha planos malignos contra a alma dele.

+++ LEIA MAIS: 6 polêmicas de ícones do rock que ninguém fala sobre: de Eric Clapton racista a Bowie fascista

O Camaleão logo relacionou Page e Crowley a bruxas e, por medo de ser roubado por tais entidades malignas, guardou os fluídos corporais para proteger a própria alma. Na época, o artista trabalhava durante a noite toda e chegou aos  45 kg em pouco tempo, de acordo com o site Cheat Sheet


+++ DELACRUZ SOBRE FILHOS, VIDA E MÚSICA: 'ME ENCONTREI NO AMOR, NA FAMÍLIA, NO LADO BOM'