Beach Boys se reunirá para uma turnê de 60 anos da banda? Integrantes discutem possibilidade

Integrantes da banda avaliaram possibilidade de reunião para comemorar data

Patrick Doyle | Rolling Stone EUA. Tradução: Gabriela Piva. @gabriela_piva (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 09/02/2021, às 14h08

None
Beach Boys pode voltar a se apresentar no aniversário de 60 anos da banda. Créditos: Rick Stewart/Getty Images

Em 2012, os integrantes sobreviventes dos Beach Boys - Brian Wilson, Mike Love, Al Jardine, Bruce Johnston e David Marks - deixaram de lado décadas de desavenças para gravar um novo disco e lançar uma turnê de 50 anos na qual puderam apresentar clássicos em locais como New Orleans JazzFest e London's Royal Albert Hall. "A turnê... Superou todas as minhas expectativas," Brian Wilson disse depois dos eventos. "Fomos abençoados, os fãs nos apoiaram muito e amei poder gravar e cantar com esses caras."

No ano seguinte, a banda seguiu por dois caminhos distintos - Love e Johnston fizeram turnê como Beach Boys, e Jardine seguiu com a banda de Wilson. O grupo apareceu pouquíssimas vezes junto desde então, apesar de participarem de uma única sessão de perguntas e respostas moderada pelo diretor Rob Reiner, na Capitol Records, em Los Angeles, em 2018.

+++ LEIA MAIS: A história por trás de ‘God Only Knows’, dos Beach Boys: ‘A melhor música já criada’, segundo Paul McCartney

Neste ano, comemora-se 60 anos desde quando Beach Boys começaram em Hawthorne, Califórnia, e gravaram a primeira música, "Surfin." De acordo com o guitarrista Al Jardine, participante recente do RS' 500 Greatest Albums, podcast da Amazon Music, a banda não finalizou todos os planos. Ao ser questionado se os Beach Boys lançarão uma turnê para comemorar o aniversário de 60 anos, Jardine disse: "Provavelmente, sim. Bem, não uma turnê. Atingiremos algumas áreas muito importantes... Cerca de 10 ou 20 áreas do mundo. Quem sabe, talvez sejamos sortudos e tenhamos um renascimento e apresentaremos alguns desses ótimos materiais de novo. É difícil dizer, mas faz sentido. Existe algo sendo criado. Só não posso falar quando ou onde."

+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes

Outros integrantes da banda estiveram na vanguarda. "Ele mencionou isso," disse Love enquanto falava com a Rolling Stone EUA no segundo semestre de 2020. Discutia uma pergunta similar respondida por Jardine ao Chicago Concert Reviews, no qual Angie Martoccio, da Rolling Stone EUA, reportou na época. "Ele não me perguntou sobre isso; apenas falou. Seria bom fazer algo por ser um marco muito bom. Não sei o quê, exatamente. Talvez um especial de TV seria bem legal, sinceramente." Love estaria aberto a realizar uma turnê? "Não sei," disse. "Provavelmente, não. Isso ainda não veio à tona."

+++ LEIA TAMBÉM: Qual foi o disco dos Beach Boys que inspirou Paul McCartney a fazer o clássico dos disco dos Beatles, Sgt. Pepper's?

Falando com a Rolling Stone EUA, Jardine confirmou a ideia de  um especial de TV. "Gostamos de explorar essa possibilidade," disse ao observar como a banda também traz conselheiros para explorar todas as opções de carreira. "É bom poder olhar para o futuro com algo positivo," adicionou, "especialmente por ser algo advindo desse ano horrendo, para trazer uma linda, nova e positiva música para o mundo novamente."

Jardine não vê nenhum ressentimento do passado atrapalhando os planos futuros. "Infelizmente, não estamos todos por aqui," falou (dois dos fundadores da banda, Dennis e Carl Wilson, morreram). "Mas, sim, não vejo o porquê disso não poder acontecer. Conquiste tudo enquanto pode!"

Claro, não seria uma reunião verdadeira dos Beach Boys sem Brian Wilson. E, de acordo com sua equipe, Wilson não têm planos futuros: "Não há nada no horizonte neste momento," diz Jean Sievers, empresária de Wilson. "Ninguém falou com a gente ou entrou em contato."

+++ PAI EM DOBRO | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL