Pulse

Brian Johnson foi demitido do AC/DC pelo telefone: "me afoguei no uísque"

O vocalista foi afastado em 2016 por problemas na audição

Redação Publicado em 08/10/2019, às 16h04

None
Brian Johnson (Foto: Reprodução/Facebook)

Em 2016, o então vocalista do AC/DCBrian Johnson saiu inesperadamente da banda de rock no meio de uma turnê. O músico explicou em um comunicado à imprensa na época que foi a ameaça de “surdez total”, e não os ex-companheiros de banda, o motivo pelo qual saiu do AC/DC.

Agora, em entrevista para o canal norte-americano AXS, Johnson revelou que recebeu a notícia da demissão por meio de um telefonema. “Não tem nada que você possa fazer sobre isso. É como se você tomasse um tiro no campo de batalha, a sua hora só chegou”, disse o vocalista.

+++ LEIA MAIS: Turnê do AC/DC com Brian Johnson e novo disco devem ser anunciados em breve, dizem especialistas

Depois de receber a notícia, Johnson admitiu ter exagerado no uísque. Apesar do choque da saída, o músico revelou ter tido o apoio do público e dos amigos. Joe Walsh, do Eagles, e Binny Connolly contataram o vocalista para dar apoio. “Tudo só fez com que eu me sentisse bem de novo”, disse o vocalista.

+++ LEIA MAIS: AC/DC "com certeza vai sair em turnê" com Brian Johnson, afirma radialista

Após a saída de Johnson, Axl Rose entrou no grupo. O líder do Guns N' Roses assumiu o microfone e acompanhou o AC/DC na estrada por um tempo.

No entanto, neste ano, Johnson pode se reunir com o AC/DC. Recentemente, a rádio norte-americana V100 apontou que a banda australiana está prestes a sair em turnê mundial com o vocalista.