De Um Maluco no Pedaço a Fleabag: 6 séries que quebram a quarta parede

Simples e cativante, este recurso cinematográfico consegue ser adaptado para as mais diversas narrativas

Julia Harumi Morita | @the_harumi Publicado em 28/11/2020, às 18h00

None
Will Smith, astro de Um Maluco no Pedaço (Foto: NBC / Reprodução) e Phoebe Waller-Bridge em cena de Fleabag (Foto: Reprodução / Amazon Prime)

Utilizado para criar mais intimidade entre os personagens e os espectadores, a quebra da quarta parede ganhou popularidade na televisão por meio de séries de sucesso, como The Office e Fleabag. 

O conceito é simples: o personagem olha para a câmera ou conversa diretamente com o público, revelando pensamentos íntimos sem precisar se expor para os outros personagens em cena.

Apesar da simplicidade, este recurso cinematográfico é muito versátil e ganha novas facetas cada vez que é adaptado para uma narrativa. Se você é daqueles que adora se sentir cúmplice do protagonista, confira a lista da Rolling Stone Brasil de seis séries que quebram a quarta parede. Confira: 

Um Maluco no Pedaço (1990)

Uma série hit dos anos 1990 que quebra a quarta parede é Um Maluco no Pedaço.  O seriado estrelado por Will Smith usa este recurso apenas em alguns momentos específicos para dar destaque a algumas reações e realçar um momento cômico.

+++LEIA MAIS: Além de Friends: 8 sitcoms que marcaram os anos 1990 [LISTA]


Sex and the City (1998) 

Sex and the City não é uma série conhecida pela quebra da quarta parede, mas os fãs mais antigos da séries devem lembrar que o recurso foi utilizado várias vezes durante a primeira temporada da sitcom. 

Aos longo dos 12 primeiros episódios, Carrie faz comentários para o público durante conversas e situações embaraçosas. Porém, a primeira temporada foi como um teste para o recurso, que deixou de ser usado a partir da segunda temporada. 

+++ LEIA MAIS: Mr Big teria morrido em terceiro filme de Sex and the City


The Office (2005)

Com Steve Carell, John Krasinski e Rainn Wilson no elenco, The Office constrói uma narrativa inteira a partir da quebra da quarta parede. O seriado é filmado no estilo de um mocumentário e acompanha a vida dos funcionários da Dunder Mifflin, que frequentemente dão entrevistas e trocam olhares com a câmera.

+++ LEIA MAIS: 10 segredos de bastidores The Office que você provavelmente não sabia [LISTA]


Community (2009)

Os alunos da Universidade Comunitária de Greendale frequentemente demonstram ter consciência de que estão dentro de um programa de televisão, seja por meio de números musicais, olhares nada discretos para câmera e comentários sobre os personagens estarem em um episódio.

+++ LEIA MAIS: Por que o elenco de Community teve um chat sem Donald Glover, o Childish Gambino?


Chewing Gum (2015)

Criado e protagonizado por Michaela Coel, Chewing Gumacompanha a vida da religiosa Tracey Gordon, que decide deixar alguns velhos hábitos para trás para perder a virgindade. O enredo por si só é engraçado, mas a série fica ainda mais hilária com as interações de Tracey com a câmera, que ressaltam ainda mais a personalidade excêntrica e inocente da protagonista.

+++ LEIA MAIS: Jovens, independentes, engraçadas e criativas: Phoebe Waller-Bridge, Michaela Coel e Issa Rae revolucionam a comédia na TV


Fleabag (2016)

Normalmente, a quebra da quarta parede é usada em momentos chave para fazer uma revelação pontual. Mas já imaginou como seria se o protagonista mantivesse uma conversa contínua com o público? 

O resultado seria algo parecido com o Fleabag, série criada, escrita e estrelada por Phoebe Waller-Bridge. De forma original e brilhante, a protagonista interrompe praticamente todas as conversas da trama para fazer comentários ou explicações, transformando o espectador em um personagem, cúmplice e consolo dos pensamentos de Fleabag.

+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes


+++ FROID: 'QUERO CHEGAR A UM NÍVEL POPULAR' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL