Qual o destino da franquia O Senhor dos Anéis depois da morte de Christopher Tolkien?

Filho de J. R. R. Tolkien, Christopher morreu nesta quinta, 16, aos 95 anos de idade

Redação Publicado em 18/01/2020, às 15h00

None
Christopher Tolkien desenhou o mapa da Terra Média (Foto 1: Reprodução/ Twitter/ Foto 2: Reprodução)

Christopher Tolkien, filho de J. R. R. Tolkien - autor de O Senhor dos Anéis - morreu nesta quinta, 16, aos 95 anos de idade. As informações são da Tolkien Society, que publicou uma foto dele no Instagram ao lado de condolências a família.

Terceiro dos quatro filhos de Tolkien, Christopher era conhecido por barrar diversas adaptações da saga de fantasia. Por isso, a morte dele pode significar que mais adaptações e personagens apareçam em séries e no cinema. 

+++ LEIA MAIS: Antes de ser uma trilogia com 17 Oscars, O Senhor dos Anéis foi desenho animado sombrio e bizarro 

Vale lembrar que Christopher foi um dos responsaveis por propagar as obras deJ. R. R. Tolkien depois da morte do ator em 1973. Foi o filho mais ligado à obra, e trabalhou ativamente nas publicações e em edições dos livros da trilogia, além de compilações para edições póstumas. 

Talvez a contribuição mais memorável dele, porém, seja o mapa da Terra Média. Desenhado à mão por Christopher, a ilustração aparece no início das impressões da trilogia de O Senhor dos Anéis desde os anos 1950, e ajudou a entender e incrementar a mitologia da terra dos Hobbits.

+++ LEIA MAIS: Amazon procura 'pessoas feias e ’peludas’ para série de O Senhor dos Anéis

Crítico da trilogia desenvolvida por Peter Jackson, Christopher não gostava de como a história foi introduzida nos filmes e acreditava que a essência dos livros de J.R.R. Tolkien não foram reproduzidas.

A Amazon, que está desenvolvendo uma série inspirada em O Senhor dos Anéis, precisou atender exigências da Tolkien Estate - empresa responsável por administrar toda a propriedade intelectual de J.R.R. Tolkien - para ela ser autorizada. Inclusive, Christopher fazia parte da empresa até 2017.

+++LEIA MAIS: O Senhor dos Anéis inspira possível nova trilogia de Star Wars com Keanu Reeves; entenda

Com a morte de Christopher, há a preocupação de como a história e os direitos da obra de Tolkien serão negociados em futuras parcerias. Como os direitos de O Senhor dos Anéis e O Hobbit estãos nas mãos da Middle-Earth Enterprises e os da Segunda Era estão com a Amazon, resta saber como fica o destino da Primeira Era, que está com a Tolkien Estate.

Ela é cobiçada porque estúdios podem mostrar interesse em fazer uma adaptação da obra O Silmarillion. Apenas a herdeira caçula e única menina da família, Priscilla, de 90 anos, continua viva. Assim, ela pode negociar os direitos da Primeira Era e abrir a saga medieval para o universo das séries e filmes.


+++ MELHORES DISCOS BRASILEIROS DE 2019 (PARTE 1), SEGUNDO A ROLLING STONE BRASIL