Todas as séries canceladas pela Netflix em 2020 até agora

AJ and the Queen, Marianne e outros shows de sucesso foram cortados após a primeira temporada

Redação Publicado em 27/03/2020, às 14h54

None
Montagem com AJ and The Queen e Marianne (Foto: Netflix / Divulgação)

A Netflix vem passando por uma onda de cancelamentos há mais de um ano, com muitos programas sendo incapazes de desfrutar de várias temporadas. Muitos deles, inclusive, ficaram - e ficarão - inacabados para sempre. 

+++ LEIA MAIS: Filme de terror da Netflix, The Platform está chocando e explodindo cabeças durante a quarentena

Mesmo em tempos incertos de pandemia e quarentena, a Netflix está cortando séries - muitas delas amadas pelo público - em 2020. Veja abaixo:

AJ And The Queen - cancelada após a primeira temporada

Infelizmente, a série AJ and The Queen não foi renovada para mais uma temporada. O drama apresentou RuPaul como uma drag queen que viajou pelo mundo com um órfão clandestino de 11 anos, AJ, interpretado por Izzy G. Produzida e roteirizada por RuPaul, a série de 10 temporadas conta com números musicais matadores e distribui sábios conselhos pelo caminho - mas não atraiu muitos espectadores como o esperado.

+++LEIA MAIS: Como o filme The Dirt ajudou o Motley Crue a ter a turnê de rock mais quente de 2020?


Spin Out - cancelada após a primeira temporada

O drama Spin Out foi cancelado um pouco mais de um mês após sua estreia, em 1º de janeiro. A série de 10 episódios conta a história da patinadora artística Kat Baker (Kaya Scodelario) tentando competir outra vez depois de uma queda desastrosa - que a deixou pronta para abandonar o barco para sempre. O programa abordou inúmeras questões como transtorno bipolar, agressão sexual, desigualdade racial, econômica e estereótipos culturais, mas foi interrompido no ápice da narrativa.

+++LEIA MAIS: 9 séries de sci-fi e fantasia modernas que vale a pena assistir [LISTA]


Soundtrack - cancelada após a primeira temporada

A primeira temporada de Soundtrack estreou em 18 de dezembro de 2019 com pouco alarde e, aparentemente, o burburinho não aumentou nas semanas seguintes, pois a Netflix a cancelou no final de janeiro. O drama musical examinou a vida amorosa de moradores contemporâneos de Los Angeles por meio da paixão pela música. A série conta com estrelas como Jenna Dewan, Marianne Jean-Baptiste e Madeleine Stowe, mas quase passou despercebida.

+++LEIA MAIS: 6 filmes e séries japoneses para assistir na Netflix: De Assunto de Família a Terrace House


Marianne - cancelada após a primeira temporada

Nenhum gênero está a salvo da maré de cancelamentos da Netflix. Com sustos, arrepios e calafrios, a série de terror francesa Mariannefoi aclamada por Stephen King, mas não sobreviveu à temporada de estreia. O programa acompanha a escritora Emma (Victoire Du Bois) enquanto ela descobre que os personagens assustadores sobre os quais ela escreve escaparam para o mundo real - e só ela pode lidar com eles.

+++LEIA MAIS: Todos os filmes que a Disney adiou pelo coronavírus: Mulan, Novos Mutantes e mais


Mortel - cancelada após a primeira temporada

Parece que não é um bom momento para shows franceses na Netflix. Mortel estreou no final de novembro de 2019, mas não se sustentou e foi cancelado dois meses depois. O programa de seis episódios conta a história de dois adolescentes que tentam resolver o assassinato de um de seus irmãos… Após entrarem em contato com um ser sobrenatural que lhes dá superpoderes.

+++ LEIA MAIS: Conteúdos em alta definição podem prejudicar a internet durante surto de coronavírus; entenda


Osmosis - cancelada após a primeira temporada

Osmosis teve um pouco mais de tempo para percorrer a Netflix antes de ser cancelada. Lançada em março de 2019, a série de ficção científica acompanha um grupo de solteiros que concorda em experimentar um novo implante de alta tecnologia para encontrar a combinação romântica perfeita. Contudo, as coisas claramente não correm como o esperado. Apesar da premissa interessante, o show de oito episódios não atraiu público o suficiente para mais uma temporada.

+++ LEIA MAIS: Neo-nazistas querem usar coronavírus como arma biológica contra ‘não brancos’


Messiah - cancelada após a primeira temporada

O thriller religioso Messiah estrelou Michelle Monaghan como Eva Geller, uma oficial da CIA que investiga um “homem milagroso” do Oriente Médio enquanto ele inspira outros seguidores ao redor do mundo, com a missão de “colocar a obra de Deus em prática.” A série estreou em 1º de janeiro e dividiu a crítica especializada, sendo cancelada após a primeira temporada.

+++LEIA MAIS: As 61 estreias da Netflix em abril de 2020: La Casa de Papel Pt. 4, Forrest Gump, Clube dos Cinco e mais


+++ CORONAVÍRUS: DEVEMOS REALMENTE CANCELAR SHOWS E EVENTOS?