Ator camaleão: 10 transformações chocantes de Christian Bale [LISTA]

Christian Bale completa 47 anos neste sábado, 30 de janeiro

Itaici Brunetti | @itaicibrunetti Publicado em 30/01/2021, às 12h00

None
Christian Bale (montagem/ reprodução)

Popularmente conhecido por interpretar o Batman na trilogia O Cavaleiro das Trevas, de Christopher Nolan, o ator Christian Bale carrega outro apelido além de "Homem-Morcego"; o de "camaleão", devido às transformações corporais que encara para viver cada personagem.

Sem medo de perder ou ganhar peso, Christian Bale dá o sangue (e o corpo) por cada papel que abraça. Ele já emagreceu 30 kg em poucos meses e foi de 60 kg a mais de 100 entre um personagem e outro. 

Neste sábado, 30, Christian Bale celebra 47 anos e relembramos as dez transformações mais chocantes de sua carreira que, obviamente, foram fundamentais para se tornarem ótimos filmes. Confira: 

+++LEIA MAIS: Conheça o personagem de Christian Bale em Thor: Amor e Trovão

1. Velvet Goldmine (1998)

Em 1998, Christian Bale já mostrava que não seguia padrões e gostava de desafios ao interpretar o jornalista Arthur Stuart em Velvet Goldmine, longa de Todd Haynes que explora o glam rock repleto de sexo e drogas da década de 1970. 


2. Psicopata Americano (2000)

Para viver o psicopata e narcisista Patrick Bateman, Bale malhou até ficar na melhor forma física possível. Quando lançado, Psicopata Americano não foi um grande sucesso nos cinemas, mas hoje carrega status de filme cult. 


3. O Operário (2004)

Para interpretar Trevor Reznik, protagonista de O Operário, Bale perdeu 29 kg em apenas quatro meses com uma dieta rigorosa de atum e maçã. Ele só não emagreceu mais porque os diretores do filme não deixaram para preservar a sua saúde.  


4. Batman Begins (2005)

Um ano depois, Bale ganhou 20 kg para colocar o uniforme mais importante de sua vida, o de Batman em Batman Begins, e posteriormente em Batman: O Cavaleiro das Trevas, em 2008, e Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge, em 2012. 


5. O Sobrevivente (2006)

Na pele de um soldado capturado na Guerra do Vietnã em O Sobrevivente, o ator precisou perder peso novamente, chegando na casa dos 60 kg. 


6. I'm Not There (2007)

Christian Bale também se transformou no cantor Jack Rollins, inspirado na fase acústica de Bob Dylan e cantou alguns hits do músico em I'm Not There

+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes


7. O Vencedor (2010)

Acostumado a perder peso para "caber" em seus personagens, Bale viveu o magricelo ex-boxeador e viciado em drogas Dicky Eklund em O Vencedor,  atuação que lhe rendeu um Oscar de Melhor Ator Coadjuvante. 


8. Trapaça (2013) 

Em Trapaça, Bale atingiu os mais de 103 kg e raspou a cabeça para interpretar o quase careca Irving Rosenfeld. À Revista People, na época, revelou que comeu tudo quanto é fast food para ganhar peso rápido; hambúrgueres, batatas fritas, donuts, etc. 


9. Vice (2018)

Após emagrecer para outros papéis, Bale voltou a ganhar peso em Vice para viver o ex-vice presidente dos EUA Dick Chaney. Dessa vez, o seu maior desafio não foi somente engordar, mas também precisou engrossar o pescoço com muitos exercícios para se parecer com o político. 


10. Ford vs Ferrari (2019)

Eis que, apenas um depois de Vice, Bale se transformou rapidamente perdendo todo o peso ganho no filme anterior para viver o motorista profissional Ken Miles em Ford vs Ferrari

+++LEIA MAIS: Christian Bale teria 1 condição para voltar ao Batman em novo filme do Flash, revela site


+++ OS PIORES FILMES DE 2020 | ROLLING STONE BRASIL


+++MAIS SOBRE BATMAN: 4 fatos e curiosidades desconhecidas sobre Batman: O Cavaleiro das Trevas, de Nolan

 

Inspirações para o Coringa

Christopher Nolan deu a Heath Ledger um grande controle criativo sobre o personagem do Coringa. No entanto, recomendou várias inspirações que, segundo ele, ajudariam nessa construção. Isso incluiu o filme Laranja Mecânica(1972), heavy metal e pinturas do irlandês Francis Bacon

Laranja Mecânica conta com personagens que tiram alegria e riso da dor dos outros, bem como o vilão. Uma das pinturas trípticas de Bacon ajudou a influenciar a maquiagem do personagem, por isso "essa corrupção e deterioração na textura", como explicou Nolan

+++ LEIA MAIS: Pôster coloca o Batman do Robert Pattinson no universo do Coringa de Joaquin Phoenix


Ledger quase foi o Batman

Nolan e Ledger se conheceram antes do filme. De fato, os dois conversaram para o ator interpretar Batman, mas o astro disse que não estava interessado "nesse tipo de filme", porque não achava que um filme de quadrinhos valesse a pena. Após conhecer o trabalho que o cineasta planejava para O Cavaleiro das Trevas, o ator quis o papel de Coringa e fez tudo para consegui-lo.

+++LEIA MAIS: Continuação de ‘Batman’ antes da morte de Heath Ledger teria volta de Coringa e DiCaprio como o Charada; conheça


Improviso de Ledger 

Heath Ledgerimprovisou no set e alguns dos momentos mais icônicos, assustadores e engraçados do vilão foram resultados de improvisação. Um exemplo disso é quando o Coringa, trancado em uma cela, sarcástico, aplaude a ideia de Gordon. As palmas não foram originalmente roteirizadas, mas o diretor gostou tanto que a manteve no corte final do filme. 

Além disso, na gravação da cena em que o Coringa sai do hospital e uma bomba explode atrás dele, a explosão acidentalmente atrasou, mas o astro decidiu permanecer no personagem. Ele murmurou para si mesmo e brincou com o controle remoto até a explosão.

+++LEIA MAIS: Coringa: Como foi a preparação física de Heath Ledger para o papel do vilão?


Ledger homenageou a filha

A roupa de enfermeira do Coringa, que ele usou para se infiltrar no hospital, escondia uma mensagem pequena e pessoal. Logo acima do adesivo político "Dent", o crachá da enfermeira diz: "Matilda", o nome da filha do astro. Matilda tinha apenas dois anos quando Ledger faleceu.