As 10 músicas essenciais de Paul McCartney depois dos Beatles, segundo site [LISTA]

“FourFiveSeconds”, “Junk” e “Maybe I’m Amazed” são algumas das melhores composições da carreira solo do ex-beatle

Redação Publicado em 17/04/2020, às 13h27

None
Paul McCartney (Foto: Tim Sharp / AP)

Após o fim dos Beatles, Paul McCartney construiu uma carreira solo impressionante com composições autorais de sucesso e discos bem avaliados pela crítica especializada ao longo de 50 anos.

O lançamento do primeiro disco solo, intitulado de Paul McCartney, lançado em 1970, foi o início da trajetória artística do músico, que contou com parcerias incríveis com a banda Wingse a esposa Linda McCartney

+++ LEIA MAIS: Paul McCartney acha China ‘um pouco medieval’ por comer morcegos

O site Far Out Magazine listou as 10 melhores canções do ex-beatle, desde a polêmica “Hi Hi Hi”, banida de BBC pode conter letras inapropriadas, até o single “FourFiveSeconds”, em parceria com Rihannae Kanye West.

O veículo também separou composições que representam os experimentos musicais de McCartney e os flertes com diferentes gêneros, como o new wave em “Jet”, e a bossa-nova em “BlueBird”. Além disso, a lista também conta com “Junk”, uma canção escrita ainda na época dos Beatles, para o White Album

Confira as 10 músicas essenciais de Paul McCartney depois dos Beatles:

+++LEIA MAIS: O fim dos Beatles em 9 citações: "Ela não é uma Beatle, John, e nunca será"

10. “FourFiveSeconds” (2015)


9. “Bluebird” (1973)


8. “Hi, Hi, Hi” (1973)


7. “Jet” (1973)


6. “Junk” (1970)


5. “Live and Let Die” (1973)


4. “Uncle Albert / Admiral Halsey” (1971)


3. “Band on the Run” (1973)


2. “Too Many People” (1971)


1. “Maybe I’m Amazed” (1970)


+++ SESSION RS: SCALENE TOCA ASSOMBRA