Pulse

Rock in Rio 2019: Com Bohemian Rhapsody, Brendon Urie mostra potencial de showman

Líder do Panic! At The Disco, Brendon Urie apresenta o emo repaginado do grupo e habilidade no palco

Nicolle Cabral Publicado em 04/10/2019, às 00h02

None
Panic! At The Disco (Foto: Wesley Allen/ I Hate Flash)

Pela terceira vez no Brasil, mas estreia no Rock in Rio, Panic! At the Disco subiu ao Palco Mundo do festival nesta quinta, 3.

Mesmo com as idas e vindas entre os integrantes do grupo e a repaginada no estilo musical, algumas coisas permaneceram intactas.

+++ LEIA MAIS: Rock in Rio 2019: Consagrados pela nostalgia, Capital Inicial reúne multidão com "Primeiros Erros"

A elegância de Brendon Urie, vocalista do grupo, os vocais marcados entre os versos e as caras e bocas se manteram e o pontuam como um grande showman.

Único integrante original da banda, Urie trouxe ao palco - além da própria habilidade no piano -, uma banda com metais, violinos e baixo marcado.

+++LEIA MAIS: Rock in Rio 2019: Com Dona Onete, Fafá de Belém e Gaby Amarantos, Pará Pop faz uma festa de carimbó em prol da Amazônia

Durante a apresentação, em alguns momentos, surgiram semelhanças entre Urie e o lendário vocalista do Queen, Freddie Mercury.

A desenvoltura no palco e domínio vocal chamou ainda mais a atenção do público quando Urie apresentou uma versão de "Bohemian Rhapsody".

+++ LEIA MAIS: Bon Jovi, Foo Fighters e Jessie J: 6 artistas do Rock in Rio 2019 que fazem do mundo um lugar melhor

Panic!foi responsável por conquistar os fãs no início dos anos 2000 no auge do emo. Sendo assim, as canções que mais tiveram força na apresentação faziam parte dos projetos anteriores.

Em um balanço, o show é quase todo voltado para as novas ambições do grupo, como o hit mais recente “High Hopes”.


A Rolling Stone Brasil está no Rock in Rio 2019 a convite da Natura Musical