Pulse

Em novo disco, Ringo Starr reuniu todos os Beatles ao gravar cover de John Lennon ao lado de Paul McCartney

"De uma maneira estranha, estamos todos lá," comentou o músico sobre a gravação de "Grow Old With Me" (1984)

Redação Publicado em 25/10/2019, às 14h20

None
Os Beatles (Apple Corps Ltd 2009)

Ringo Starr lançou nesta sexta, 25, o disco What's My Name? seu 20º trabalho solo. O álbum, cujo nome é uma piada com a pergunta (“qual é o meu nome?”) que o ex-beatle faz em todo show, tem, entre originais, um cover de “Grow Old With Me,” emocional música de John Lennon. 

Em uma entrevista publicada pelo The New York Post na quinta, 24, Ringo comentou como, ao gravar essa música, encontrou de alguma maneira os outros integrantes dos Beatles - Paul McCartney, George Harrison e, inevitavelmente, o próprio John Lennon.

+++ LEIA MAIS: Sabia que John Lennon sugeriu que George Harrison fosse substituído por amigo nos Beatles? Entenda

“Foi emocional [gravar “Grow Old With Me’], mas não intimidador. Eu amo o John e… Decidi que amo essa música, então comecei a produzir. Pensei ‘bom, o único baixista que precisaria nesta faixa seria Paul.’ Quando Jack [Douglas, produtor] começou a fazer a parte das cordas, ouvi referências ao George. Então, de uma maneira estranha, estamos todos lá. Fez eu me sentir bem.”

Comentou, também, como seria a vida de John Lennon se tivesse envelhecido (uma alusão ao título da música, pois “grown old” significa envelhecer): “‘Envelhecer’ é uma expressão. Eu não sinto que envelheci, só cresci. Penso, honestamente, assim como eu e PaulJohn ainda estaria na estrada. Viemos daí.”

+++ LEIA MAIS: Além dos Beatles: 12 músicas solo de John Lennon que expressam a genialidade do artista [LISTA]

Questionado, depois, sobre o que sente mais falta em Lennon - explicou que é, basicamente, dele. “A amizade faz falta.  Passar o tempo juntos. Saudade de… não estarmos juntos agora. Eu vou muito para Nova York, digo ‘oi’ para a Yoko [Ono], e é sempre horrível, sabe? Mas ele ainda está no meu coração.”

Embora os Beatles tenham terminado em meio a brigas, não há ressentimentos entre Paul e Ringo, os dois integrantes ainda vivos do quarteto. “Temos um ótimo relacionamento. Ele tocou neste disco, e em vários outros meus. A gente sai, almoça. Fazemos algo na casa dele, ou ele vem me visitar. Mas não moramos mais juntos.”

+++ LEIA MAIS: Beatles: gravações perdidas por 54 anos são encontradas em cesto para pão

“Grown Old With Me,” cover que aparece em What’s My Name?, é uma música agridoce. Nela, John Lennon canta sobre a vontade de ficar com Yoko Ono, esposa dele na época, para sempre. “Envelheça junto comigo / o melhor ainda está por vir / bem, chegou a nossa hora / seremos como um / deus abençoe o nosso amor,” cantava o músico.

A faixa, porém, nunca pôde se concretizar: Lennon foi assassinado em 1980, antes dela ser publicada. Foi lançada postumamente em Milk and Honey (1984), disco de Lennon e Ono.