Como foi Tributo a Freddie Mercury, show histórico que vai ajudar a levantar fundos para coronavírus?

Em 20 de abril de 1992, diversos artistas se uniram em um show beneficente e icônico em homenagem ao vocalista do Queen

Redação Publicado em 15/05/2020, às 17h39

None
Freddie Mercury (foto: AP/ Gill Allen)

Queen anunciou que o Freddie Mercury Tribute Concert, realizado em Londres em 1992, seria transmitido nesta sexta, 15, no canal do YouTube da banda - e o objetivo da iniciativa é arrecadar dinheiro para a Organização Mundial de Saúde (OMS) contra a pandemia do novo coronavírus

+++LEIA MAIS: Segredos das festas de Freddie Mercury são revelados por amigos próximos: ‘Uma extravagância’

A apresentação ficará disponível no canal de YouTube do Queen por 48 horas, e os motivos para o show ser considerado icônico são vários. Além de contar com uma série de grandes artistas, a homenagem beneficente foi emocionante.

O icônico Tributo a Freddie Mercury foi realizado em 20 de abril de 1992, meses após a morte do cantor após complicações da AIDS - e o objetivo da apresentação foi alertar a população sobre a doença. 

+++LEIA MAIS: Foto rara revela aparência de Freddie Mercury nos anos finais de vida; fãs dizem ser ‘de quebrar o coração’

Realizado em Londres, o show contou com 72 mil espectadores e foi transmitido ao vivo para a televisão. Todo os lucros da apresentação foram destinados para a criação do Mercury Phoenix Trust, uma organização de caridade contra a Aids.

A homenagem também contou com diversas bandas influenciadas pelo Queen, além dos três integrantes restantes do grupo. A primeira parte incluiu Metallica, Extreme, Def Leppard com a colaboração de Brian May em "Now I'm Here" e Guns N’ Roses. Além disso, Elizabeth Taylor fez um discurso de prevenção à Aids e diversos videoclipes de Mercury foram mostrados.

+++ LEIA MAIS: Brian May, do Queen, não sabia que Freddie Mercury era gay durante anos

A segunda metade do show contou com os três membros restantes do Queen - John Deacon (baixo), Brian May (guitarra) e Roger Taylor (bateria) - e uma longa lista de artistas convidados, como Elton John, Tony Iommi (Black Sabbath), David Bowie, James Hetfield (Metallica), George Michael, Seal, Paul Young, Annie Lennox, Robert Plant (Led Zeppelin), PhilCollen (Def Leppard), Axl Rose e Slash (Guns N’ Roses), Liza Minnelli e outros. 

Via satélite, o U2 também participou do tributo com a apresentação ao vivo de "Until the End of the World" em homenagem à Freddie Mercury.


+++ VITOR KLEY | A TAL CANÇÃO PRA LUA | SESSION ROLLING STONE